Este é um microcosmo apartidário embora ideológico, pois «nenhuma escrita é ideologicamente neutra*»

*Roland Bartes

Intros: 1 2

domingo, 30 de novembro de 2014

Restauração na restauração

Hoje, como é tradição cá de casa, festeja-se a passagem de 30/11 para 1/12 na rua, jantado e dando de ganhar à economia local.

Enfim...é dia de festa. Connosco é assim!

Os países mais desenvolvidos têm um dia de Independência e nós também...em alguns casos bem mais antigo que os deles.

Share |

sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Dois Dias, Uma Noite


Share |

Regimes: toda a diferença

Imaginem, a mesmíssima situação, com o PR...

Share |

Portugal mais pobre


Obrigado sr. engenheiro!

Share |

Ruinoso

Finalmente o que sempre foi óbvio para mim, começa a ser óbvio para todos:

- O Regime está a ruir!

Share |

Imagens BBC | D. Manuel II

Imagens raras de El-Rei no grupo dos Monarcas do mundo, no cortejo fúnebre, em Maio de 1910, de seu primo Eduardo VII. 

Ver ao minuto 9'37"

Share |

Inconformismo

«O conformismo é o carcereiro da liberdade e o inimigo do crescimento.»

John F. Kennedy

Share |

Filosoficamente

«Diz-me quem são os teus amigos e dir-te-ei quem és.»

Povo

Share |

WEEK SOUNDZZZzzz!





Made in Portugal | Oporto:


Share |

terça-feira, 25 de novembro de 2014

Hoje o único problema foi a luz

Por falar em luz, além de mais classe, de mais portugueses a jogar (8 sendo 7 da formação), o Sporting também diverge do SLB quando joga com árbitros estrangeiros, pois quando isso acontece normalmente ganha...quando são portugueses nem tanto. O SLB é precisamente o inverso.

Share |

Esta foi de Champions!

O meu Sporting ganhou...mas desta vez não vou dizer "todos para o Marquês".

Share |

sexta-feira, 21 de novembro de 2014

O Hobbit: A Batalha dos Cinco Exércitos


Share |

Por pouco

O social-democrata / socialista (pois vi escrito das duas formas) Victor Ponta perdeu.

Mas ficou o registo de um homem que, como Felipe González ou Olof Palme, socialistas a sério, reconheça-se, sabiam que a melhor forma de progresso só pode ser feita pela via monárquica.

O método que Ponta usaria seria de um extremo patriotismo sem nunca descurar da proximidade do povo, ou seja, se por sufrágio tivesse sido votado e eleito presidente da República Romena, faria, subsequentemente, um referendo sobre a representatividade do regime e, no caso de ser escolhido S.M. o Rei Miguel I (cujas sondagens estimavam 2/3 dos romenos), ele sairia para dar o lugar ao Monarca.

De onde Ponta, garanto-vos, não sairia, caso tivesse acontecido aquele cenário, era da história daquele País.

Share |

Ficou o cordão da vida


É de registar os milhares de humanistas que, unidos, procuraram, como sabiam e podiam, defender a pequeníssima e sensível menina. Toda a solidariedade espalhada pelo mundo fez-me ver, por aqueles dias de luta, novamente, um mundo melhor. Esta postura é a minha sincera interpretação de progresso humano.

Contudo, tirar uma vida é incomensuravelmente (e legalmente) mais simples...

Share |

Excerto de "Salve, Rei!"

«(...)

Rei! No dia em que descestes do vosso trono real apagou-se a luz da glória, Cerrou-se o livro da Historia do Reino de Portugal. 

(...)»

Camilo Castelo Branco 
Dedicado a El-Rei D. Miguel I

Share |

4 X 300.000 = república


Share |

Let's go for something cheaper!

Eis mais um dos motivos porque não posso ser republicano.

Em vez de vários “reis” ao mesmo tempo (sem descurar das viúvas…), porque não ter só Um…o verdadeiro?! Era mais barato.

Share |

A Constituição espanhola

Ver, em especial, artigos 56.º e seguintes.

Share |

Portugal teria mais encanto de azul e branco

Share |

Invencibilidade

Quando Portugal entra a jogar e azul e branco, fico sempre com aquela sensação impetuosa que ninguém nos consegue derrotar.

Share |

Europa Formula: Juncker = + Le Pen

Share |

Apenas para relembrar o que ficou registado:


Share |

"Estórias da História"

Interessante documentário, de 1999, sobre os Marqueses de Fronteira.

Share |

WEEK SOUNDZZZzzz!

Excerto da Ópera - "Habanera"
Uma história de sentidos e sentimentos. Obra centrada numa mulher, mas cujo maior papel sempre entendi que se coloca na postura do protagonista (Dom José). 
Um cenário que prima por nunca desvirtuar da realidade.

Indy rock em português.

É provavelmente a banda mais POP que conheço, ás vezes chegava a pensar que nos álbuns dos Lightning Seeds só faltava vir, em anexo, um brinde em forma de pastilha elástica de morango.

A grande união de diferenças concretizada pela figura da Rainha/Rei verifica-se através deste tema, composto pelos pouco “tradicionais” e “conservadores” Pet Shop Boys, que não hesitaram em dedicar um tema Pop, para o bem e para o mal, à sua Chefe de Estado...e sem nunca mergulhar na indiferença.
Muito para evoluir portugueses…



Share |

sexta-feira, 14 de novembro de 2014

Birdman

Foto - The Observer

Share |

Bem a Assembleia Regional dos Açores

Um momento digno de registo na história do pós 5-10-1910:


Houve agora um adequado reposicionamento nesta matéria, comparativamente aquando deste artigo.

Resta-nos, a bem de uma melhor democracia, que não surja nenhum "inconseguimento".

Share |

In memoriam | D. Fernando de Mascarenhas

Apesar de não estar em sintonia com a sua tendência ideológica, todavia simpatizava com a personalidade.

Um empreendedor cultíssimo e, especialmente, um homem com um sentido de humor ímpar.

Falecido o 12.º Marquês de Fronteira, eis o seu sucessor.

Share |

"Barreto Xavier quer avançar com obras no Palácio da Ajuda"

Muito bem o Secretário de Estado. Uma obra que há muito tardava. Este é nosso verdadeiro legado...e não auto-estradas em triplicado.

Numa legislatura sem verbas, soube gerir as mais valias do passado, realizar o presente e planificar o futuro recorrendo a bens próprios de Portugal, in casu as jóias da Coroa.

Share |

Medições

«A medida do amor é amar sem medida.»

St. Agostinho

Share |

“Capitalismo consciente”

A defesa do «“capitalismo consciente”, segundo o qual, “criar valor para os acionistas é tão importante como o contributo que se dá à comunidade.»

Chris Gardner, o corretor negro mais famoso de Wall Street.
in Revista do Expresso, 8/11/2014, pág. 54.

I'm a believer!

Share |

Marco no ténis

M. Silva Araújo foi campeã nacional de ténis em 1953 e 1954 (incluindo pelo Sporting).

Share |

Por aqueles que deram a vida em combate

"Família real inglesa de luto pelas vítimas das grandes guerras"

Havia ameaça terrorista, mais ainda assim a Rainha não deixou de ir.

Share |

Cada vez mais certo



Share |

Ouvido esta 2.ª feira num canal stream

«O povo é populista.»

Share |

Agora imaginem no sector público…

«Levou as suas ideias à empresa onde trabalhava, Hewlett-Packard, mas eles recusaram-se a ouvi-lo, interessados que estavam no negócio corporativo. “Ainda bem que me disseram que não, porque as grandes empresas têm dificuldade em ver a potencialidade da criatividade”, sublinhou o visionário.»

Steve Wosniak, co-fundador da Apple. 
in Revista do Expresso, 8/11/2014, pág. 53

Share |

Blogue a seguir:


Share |

WEEK SOUNDZZZzzz!

Jarvis Cocker is the greatest performer I've seen live so far...!

Fica a evocação a Thilo Krasmann e ao grande enquadramento que deu e deixou à música portuguesa.

Share |

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Pulp: Um Filme Sobre a Vida, a Morte e Supermercados


Share |

O Elmo

É medianamente sabido que D. Sebastião não foi um dos melhores Reis de Portugal. À parte da enorme alegria com que o povo, desde nascença, o recebeu, foram inúmeros os epítetos posteriormente menos elogiosos sobre o Monarca advindos de historiadores ao longo dos séculos. Alguns verdadeiros, outros nem tanto.

Contudo, tendo fraquejado perante aqueles que o impeliam para Marrocos, inclusive Camões, essa ida, bem como Alcácer-Quibir, foram um completo desastre. O Rei é, obviamente, responsável.

D. Sebastião nunca mais foi visto, provavelmente terá morrido em batalha, mas agora o elmo, eventualmente o seu elmo, trouxe novos dados.

Muitos desses dados são reveladores, especialmente aqueles que foram contados por Rainer Daehnhardt (quem o meu pai conheceu pessoalmente). No seu conjunto, salientava apenas os que, na minha opinião, poderão ser enormemente demonstrativos de que aquela peça de guerra era de mesmo de El-Rei, porquanto os seguintes factos indiciam que a forma como o seu utilizador se bateu foi, no mínimo, bravíssima e digna de um Rei:

a) O elmo apresentava tantas “feridas” de impacto, facto que só se explica mediante uma luta especialmente violenta, como foi o caso de Alcácer-Quibir;

b) Pela parte de trás não há qualquer vestígio de golpe, significando que o utilizador nunca voltou as costas ao inimigo.

Share |

Isabel de Castela

No domingo, no meio do zapping, fui dar com esta interessante série da TVE.

Ela conta com fortes referências a D. Afonso V e D. João II.

Share |

Radares


Com os nossos, só espero que não tenha sido: "Aqui posto de comando ..."

Share |

Brasileirismos

Devo reconhecer que a república brasileira é das que melhor eleva o ideal republicano, porquanto até um palhaço (de profissão) chega a deputado federal.

Share |

Superpoder

Na última revista do Expresso (pág. 30):

Filipe Homem Fonseca tendo sido questionado sobre que superpoderes gostaria de ter, respondeu que um deles seria este:

- "Conseguir aguentar períodos de campanha eleitoral sem vomitar."

Share |

WEEK SOUNDZZZzzz!

Made in Portugal 


A seguir ao Danny DeVito, estes são os meus pinguins preferidos


Dubstep dance

Share |

«Se mandarem os Reis embora, hão-de tornar a chamá-Los» (Alexandre Herculano)

«(…) abandonar o azul e branco, Portugal abandonara a sua história e que os povos que abandonam a sua história decaem e morrem (…)» (O Herói, Henrique Mitchell de Paiva Couceiro)

Entre homens de inteligência, não há nada mais nobre e digno do que um jurar lealdade a outro, enquanto seu representante, se aquele for merecedor disso. (Pedro Paiva Araújo)

Este povo antes de eleger um chefe de Estado, foi eleito como povo por um Rei! (Pedro Paiva Araújo)

«A República foi feita em Lisboa e o resto do País soube pelo telégrafo. O povo não teve nada a ver com isso» (testemunho de Alfredo Marceneiro prestado por João Ferreira Rosa)

«What an intelligent and dynamic young King. I just can not understand the portuguese, they have committed a very serious mistake which may cost them dearly, for years to come.» (Sir Winston Leonard Spencer-Churchill sobre D. Manuel II no seu exílio)

«Everything popular is wrong» (Oscar Wilde)

«Pergunta: Queres ser rei?

Resposta: Eu?! Jamais! Não sou tão pequeno quanto isso! Eu quero ser maior, quero por o Rei!» (NCP)

Um presidente da república disse «(...)"ser o provedor do povo". O povo. Aquela coisa distante. A vantagem de ser monárquico é nestas coisas. Um rei não diz ser o provedor do povo. Nem diz ser do povo. Diz que é o povo.» (Rodrigo Moita de Deus)

«Chegou a hora de acordar consciências e reunir vontades, combatendo a mentira, o desânimo, a resignação e o desinteresse» (S.A.R. Dom Duarte de Bragança)

Go on, palavras D'El-Rey!